Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





A OVELHINHA

por mimi, em 26.05.08

 

 

O meu G. tem alguns peluches, todos eles oferecidos, mas nunca ligou muito a nenhum deles.

 

Aqui à uns meses atrás, fui á farmácia comprar creme barreira para o rabinho e estava com uma promoção que consistia, se comprásse-mos 2 embalagens ofereciam uma ovelhinha em peluche.

 

Eu resolvi comprar, porque tanto gasto em casa, como também tenho que mandar para o infantário, então já ficava despachada para um mês.

 

Cheguei a casa e tirei a ovelhinha e mostrei-a ao G., ele pegou logo nela e nessa tarde não a largou mais. À noite quando foi dormir, quis levá-la com ele e reparei que dormiu agarrada a ela toda a noite. A partir desse dia, pelo menos para dormir em casa é a sua companheira e quando não a tem na cama já pergunta pelo mémé.

 

Nestes 4 dias que estive em casa, tanto dormiu com ela como durante o dia, mal a largava, então ficou num estado lastimável, toda suja, porque até para comer ela a tinha e até lhe oferecia comida a brincar. Especialmente junto ao focinho tinha marcas de soupa, de yogurt, de tulicreme, etc.

 

Tinha que ser lavada quanto antes.

 

O problema era esse, tirar-lha para lavar. Como é que eu havia de fazer. Pensei, pensei....

 

E hoje de manhã, antes de sair e de o ir levar ao infantário, resolvi pô-la na máquina a lavar.

 

Ponto assente era que a ovelhinha, não ia para o infantário, então era usual eu dizer-lhe antes de sair-mos para ele ir colocar a ovelhinha na sua cama. Normalmente ele até vai sem dramatismos, hoje foi um bocadinho mais difícil, tive que insestir e então ele lá foi.

 

O mais difícil era eu ir pôr a ovelhinha a lavar sem ele vêr, e a única solução foi descer com ele para a garagem, onde também fica a máquina da roupa, colocá-lo na cadeirinha do carro e voltar atrás, ir a correr buscar a ovelhinha e colocá-la na máquina que já tinha roupa e detergente e pô-la a lavar.

 

Ufa, não foi fácil, porque como ainda demorei a subir dois andares e a descer quando cheguei ao carro ele já estava a resmungar.

 

À hora de almoço fui a casa e aproveitei para colocar a ovelhinha na máquina de secar roupa, para logo quando chegar com o G. ele já ter o seu mémé.

 

Isto tudo para dizer que com os bebés e com as crianças, nem sempre o mais caro é aquilo a que eles dão valor. Às vezes uma coisa que nós adultos achamos uma insignificância, para eles tem muito valor. E nós adultos temos que respeitar isso.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2007
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2006
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D