Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





UM CLÁSSICO

por mimi, em 28.11.08

 

 

Lara Li - Telepatia

Estava aqui a arrumar as coisas no serviço para ir de fim de semana e comecei a trautear esta canção.

 

Um bom fim de semana para todos os que me visitam.

 

Até 3ª feira

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


PERSPICÁCIA INFANTIL

por mimi, em 28.11.08

 

 

 

Hoje, a caminho da escola, o meu filho R. sai-se com esta:

 

R: Mãe, estava aqui a pensar, porque é que não me deixaste ir trabalhar nas férias?

 

Eu: Mas eu expliquei-te, só a partir dos 16 anos é permitido trabalhar e tu só tens 12 anos e depois tens a vida toda de adulto pela frente para poderes trabalhar e ganhar dinheiro.

 

R: Então e aqueles meninos que fazem novelas, filmes e teatro? Não estão a trabalhar? Não recebem dinheiro por isso?

 

Eu: Sim.

 

R: Mas não é justo. Esses meninos ficam sem tempo para brincar e para estudar. 

 

Eu: Infelizmente, tens razão, mas não há ninguém que faça nada.

 

 

MAIS PALAVRAS PARA QUÊ?

Autoria e outros dados (tags, etc)


SOU UMA PARVA

por mimi, em 28.11.08

 

Comentava comigo uma conhecida, que a vida estava muito má, que estava tudo muito caro, e que como estava de baixa já á alguns meses, estava a passar algumas dificuldades, isto apesar de o marido ter um excelente emprego e ganhar muito bem, confidenciava-me ainda que para conseguirem suportar as despesas tinham pedido dinheiro emprestado a um familiar este mês.
 
Eu fiquei um pouco preocupada e até comentei em casa, que pessoas que nunca lhes faltou nada, que sempre tiveram tudo do bom e do melhor e de repente verem-se numa situação destas, não deve ser fácil.
 
Passam-se uns dias e esta senhora telefona-me, e volta a falar-me que a vida está difícil, quando se sai com esta que me deixa sem palavras: “...nós lá em casa já combinámos que este natal as prendas vão ser reduzidas, chegámos a um acordo com os miúdos que só compraríamos uma prenda para todos, como precisamos de mudar de televisor, vamos comprar um plasma como eles querem”.
 
Fiquei com a ideia que realmente as dificuldades não devem ser assim tantas.
 
Ontem volto a encontrá-la e ela diz-me que anda muito cansada e que precisa de espairecer, então, estão a pensar ir passar um destes próximos fim de semana prolongados a um Resort com SPA. Eu só lhe respondi, acho que fazem muito bem, eu se pudesse também ia.
 
Chego a casa e conto ao marido e ele sai-se com esta: “ És mesmo parva, só tu para teres pena de gente assim, dificuldades, têm aquelas famílias que querem comprar bens essenciais, como comida e não conseguem, porque os ordenados não chegam ao fim do mês...”
 
Pronto, tenho que lhe dar razão, SOU UMA PARVA.

Autoria e outros dados (tags, etc)


É isso aí...

por mimi, em 27.11.08

Depois de um post um pouco mórbido, aqui fica uma musiquinha para animar um pouco, mas só um pouco, porque amanhã é que é a animação total, com a aproximação de um fantástico fim de semana prolongado.

 

 

 

ANA CAROLINA E SEU JORGE - É ISSO AI

Autoria e outros dados (tags, etc)


SE EU MORRESSE HOJE...

por mimi, em 26.11.08


 

 

 

SE EU MORRESSE HOJE, tantas coisas ficariam por fazer e especialmente por dizer. Porque será que é tão difícil dizer-mos ás pessoas que amamos, o quanto gostamos delas e o quanto lhes estamos gratas por tudo o que fizeram e o que têm feito por nós.
Especialmente á minha mãe, que sofreu imenso nos primeiros anos de casada e se calhar só cá está ainda hoje, por causa de mim e depois também da minha irmã. Claro que tem defeitos como toda a gente, mas porque me custa tanto aceitá-los, embora não tenha a menor dúvida que a amo muito, só me falta saber e conseguir demonstá-lo.
Mas de uma coisa tenho a certeza, morreria em paz, porque apesar de pequenos acertos, nunca magoei ninguém intencionalmente e de uma forma maldosa, e aqueles a quem possa ter magoado inadvertidamente, de certeza que já me perdoaram.
Depois o que me deixaria um pouco apreensiva, seriam os meus filhos, porque penso que todas as mães tenham este defeito, pensamos que ninguém os conseguirá amar tanto como nós, mas acho que o problema é não querermos perder o seu crescimento e o seu amadurecimento até se tornarem homens.

 

Passatempo Mau Feitio "Cláudia Oliveira"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


TRAIÇÃO

por mimi, em 25.11.08

 

 

Nos últimos dias tem corrido por aqui um boato. Como inclui gente importante da terra é um alarido geral. Consta-se que um político, casado e pai de dois filhos foi apanhado em flagrante com uma mulher casada, empresária e mãe de dois filhos em situação comprometedora.

 

Pela parte dela, e pelo que consta é normal e hábito frequente. Tem uma necessidade extrema de sexo e de correr riscos, pelo que contam os "amigos" mais chegados.

No caso dele, acho que vai acabar por lhe arruinar o casamento.

 

Esta história fez-me pensar.

No meu caso, seria incapaz de perdoar uma traição. Se calhar deve-se á minha formação ou ao facto de ser incapaz de trair.

Eu sou um bocado radical e de ideias formadas em relação a determinados assuntos.

Este assunto é um deles.

 

Não existe nada que justifique uma traição. Para mim quando alguém tem a necessidade ou se sente tentado a trair o seu companheiro, é porque a sua vida enquanto casal deixou de fazer sentido.

 

Eras capaz de perdoar uma traição?

Eras capaz de voltar a confiar nessa pessoa?

Autoria e outros dados (tags, etc)


ADORO ESTA BANDA

por mimi, em 21.11.08

Em formato acústico, a famosa banda alemã, actuou no Casino do Estoril, num concerto inédito, no passado dia 19 de Novembro.

 

Adorava ter lá estado.

 

Apesar de já irem com 43 anos de carreira, continuam sempre actuais. E a voz do vocalista continua espantosa.

 

 

Scorpions - Rock You Like Hurricane 2001 (Acoustica Lisboa)

Autoria e outros dados (tags, etc)


MISTO DE SENSAÇÕES ÚNICAS

por mimi, em 20.11.08

 

 
 
Acordei cheia de dores, meio zonza e sem saber onde estava.
Havia um corrupio de pessoas que falavam, riam, sussurravam em meu redor.
Abri os olhos e vi que se tratava de enfermeiras e auxiliares de acção médica.
Tenho todas as sensações, cheiros e imagens presentes no meu subconsciente, como se as tivesse vivido ontem.
Antes de me vir ao pensamento o que estava ali a fazer, ainda houve tempo para me darem uma injecção para as dores que actuou rapidamente. E em breves minutos consegui raciocinar e lembrar-me que tinha ido ter o meu primeiro filho. O coração dispara, a cavalgar a 1000 km/h, porque olhei em redor e não vi o meu bebé.
No meio de um turbilhão de pensamentos pergunto, com medo da resposta, á enfermeira que estava mais perto de mim: O meu bebé?
 Ela olha para as outras e a rir diz-me: O seu bebé nasceu cheio de fome, como demorou a acordar da anestesia, tivemos que lhe ir dar um biberão de leite. E eu, embora um pouco mais calma, mas não 100%, pergunto ainda: Mas está tudo bem como ele? E a resposta foi: Está óptimo.
Acalmei um pouco, mas super ansiosa por poder olhar para o meu bebé pela primeira vez.
Passados uns instantes, que me pareceram uma eternidade, chega uma enfermeira com o meu bebé ao colo e deita-o ao pé de mim. Eu só me apetecia dar-lhe beijinhos e fazer festinhas e quando me chego mais ele parece que procura a minha mama. A enfermeira que mo trouxe ri-se e diz-me que ele não aceitou o biberão, que o que ele quer é leitinho da mamã. Então ajuda-me a preparar para eu o poder amamentar e quando ele pega e começa a mamar sofregamente, não consegui evitar e as lágrimas começam a rolar pelo meu rosto. Eram lágrimas de felicidade pela misto de emoções e sensações que estava a ter naquele momento e que eu queria que durasse para sempre.
 
FOI O DIA MAIS FELIZ DA MINHA VIDA.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Friorenta

por mimi, em 19.11.08

 

 

Sempre fui super friorenta, e este ano não é excepção. Resolvi aderir á moda da boina. Comprei uma de tons castanhos e não é que é super quentinha. E depois ainda por cima recebo elogios que me fica a matar. Já não quero outra coisa. Hoje á hora de almoço fui comprar outra.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Essência

por mimi, em 17.11.08

 

 

Este post destina-se a matar a curiosidade daqueles que pretendem saber o "porquê" do blog se chamar Pepita.

 

Se formos ao dicionário Pepita significa "grão ou palheta de ouro nativo".

Para mim pepita significa a essência de qualquer coisa.

 

Neste caso, procurei dar um nome ao meu blog que transmitisse o seu conteúdo.

Normalmente o meu intuito é escrever sobre as coisas que me rodeiam, não o que se vê, o que está á superfície, mas sim a sua essência.

 

A essência do ser humano, não nasce com ele, cada um de nós forma a sua de acordo com os seus valores e personalidade. É como se fosse uma impressão digital, não existem 2 essências iguais.

 

O mesmo acontece com os blogs. São todos diferentes, cada um tem a sua essência.

 

Este tenta transmitir pelo que vou escrevendo a minha essência.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2007
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2006
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D